Os Precários Inflexíveis publicaram na sua página de internet cinco textos de alerta sobre as perversas consequências que o CETA poderá ter para os trabalhadores em geral. Recomendamos vivamente a sua leitura:

 

Já conhecem o CETA? > link

As perversidades do CETA 1:
os riscos para a democracia e a mercantilização da justiça > link

As perversidades do CETA 2:
como ignorar o interesse público e reduzir o Código do Trabalho a nada > link

As perversidades do CETA 3:
Este acordo não pode ser realizado | Crítica ao capítulo 23: Comércio e Trabalho > link

As perversidades do CETA 4:
A subjugação dos serviços públicos ao interesse privado e os consequentes perigos para a saúde e segurança alimentar > link