A festa da diversidade, mais do que um momento de celebração, é um esforço de conjugar a luta pela visibilidade da diversidade cultural do país com as lutas pela a rmação da igualdade e o combate contra o racismo, assim como todas as formas de discriminação associadas. Por isso, como é habitual, a programação da festa começa já com vários debates temáticos, coorganizados por várias organizações e que abarcam a pluralidade da agenda de lutas por forma a que a luta contra o racismo ganhe centralidade no debate político nacional.

Debates:

15/5 – 3a Feira, 18h – Aguinenso – Marvila (Av. João Paulo II Lote 528, 2o A) – Direito à Habitação

17/5 – 5a Feira, 21h30 – Com Calma – Ben ca (R. República da Bolívia, 5 C) – Direito de Voto

18/5 – 6a Feira, 15h – Ben Kumi-Kova M – Ameixoeira (Centro Comunitário/R. Fernando Gusmão, 2 E Loja) – Comunidades Ciganas

22/5 – 3a Feira, 18h30 – Passa Sabi – Bo de Santos (R. Marciano Henriques da Silva, 40 C) – Violência Policial

23/5 – 4a Feira, 18h30 – Ass. José Afonso . São Bento (R. de S. Bento, 170) – Cultura, Educação, Racismo

24/5 – 5o Feira, 21h – MOB – Intendente (R. dos Anjos, 12 F) – Lei de Discriminação Racial

29/5 – 3a Feira, 18h30 – Casa da Achada – Mouraria (R. da Achada, 11, R/ch) – Lei da Nacionalidade

30/5 – 4a Feira, 18h30 – Afrolis/Lugar da fala – Graça (Calçada do Cascão, 10) – ONU – Década Afrodescendentes

1/6 – 6a Feira – 18h – Casa do Brasil – Bo Alto (R. Luz Soriano, 42) – Mulher Migrante e as questões de Género

sosracismo@gmail.com | www.sosracismo.pt